Blog


SALA VIP PARA OS CLIENTES E PILOTOS

Nossa sala VIP oferece total privacidade, segurança e comodidade aos nossos clientes,
Sala climatizada com acesso à internet e estacionamento.


Centro Técnico de Manutenção Multimarcas

A CTMAERO® está apta a realizar manutenção nas principais marcas de aeronaves sendo LSA ou AVIÕES EXPERIMENTAIS. Executamos os mais diversos tipos de serviço, desde manutenção mecânica, elétrica, pintura, documentação, customização, até recuperação total de aeronaves acidentadas.

O correto funcionamento e a segurança das aeronaves dependem da qualidade dos serviços de manutenção preventiva e corretiva prestados pela empresa prestadora do serviço. A CTMAERO ciente deste conceito implanta um sistema de manutenção preventiva e corretiva dirigida e controlada, pois entendemos que a prevenção é a forma mais inteligente de se evitar altos custos corrigindo falhas e defeitos. Mecânicos treinados e qualificados satisfazem assim o principal alvo de nosso trabalho O Cliente.

Nosso setor de célula atende a qualquer serviço especifico, fuselagem,asas,profundores,leme,polainas capôs inferiores e superiores trabalhos em material composto e alumínio.

A Oficina é composta de equipamentos e ferramentas modernas para atender
aeronaves LSA e Aviões Experimentais e conta com mecânicos treinados
e qualificados.

Nossa sala VIP oferece total privacidade, segurança e comodidade aos nossos clientes,
Sala climatizada com acesso à internet e estacionamento.

Temos peças e acessórios multimarcas.

Visite nosso Showroom de aeronaves seminovas ou entre em contato com os telefones abaixo:

AGENDE SEU PRÓXIMO ATENDIMENTO CONOSCO

(19) 3246.0871 (19) 3216-4528

E-mail: atendimento@ctmaero.com

Site: www.ctmaero.com

Rua Sylvia da Silva Braga, 415 Hangar 24
Aeroporto dos Amarais – SDAM
Campinas – São Paulo – Cep: 13082-105
Frequência de rádio : 125,775
Localização: 22 51 33S – 047 06 29W




Mauricy Spindola
Departamento Comercial







Daesp retoma privatização de Amarais

Por Jair Italiani

O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo – Daesp - informou na última sexta-feira, dia 16 de janeiro, que retomou o processo de privatização do Aeroporto Campo dos Amarais em Campinas, interior de São Paulo. O órgão do governo paulista está dando andamento as negociações com a Secretaria de Aviação Civil – SAC – órgão do governo Federal, para privatizar cinco aeroportos no estado: Rolim Amaro em Jundiaí, Arthur Siqueira em Bragança Paulista, Antônio Nogueira Júnior em Itanhaém, Campo dos Amarais em Campinas e Gastão Madeira em Ubatuba. No início do ano passado a SAC revogou a autorização para a privatização desses aeroportos sob a alegação que o processo de análise dos editais de concessão não havia sido concluído.
O processo licitatório dos cinco aeroportos será feitos de uma só vez, num único lote, com concessão de 30 anos e um investimento mínimo de R$ 75 milhões. Quem vencer o processo ficará responsável pela manutenção dos aeroportos e operação diante dos órgãos da Aeronáutica.
Segundo o Daesp o Aeroporto dos Amarais recebeu um 2014 33.818 passageiros e 58.585 operações de pouso e decolagens é o terceiro no ranking do departamento paulista em operações de aeronaves e passageiros na aviação geral (executiva e taxi aéreo).
O Daesp informou também que ainda não tem data prevista para o lançamento do edital de privatização dos aeroportos.


Fonte: Agência Anhanguera


Caio Jordão é entrevistado no Papo Livre



Caio Jordão conta ao jornalista Jair Italiani um pouco de sua trajetória de vida na aviação, começando aos 9 anos de idade, lavando barriga de avião e concluindo com a realização de um grande sonho, que foi a fundação da Inpaer e o desenvolvimento dos principais produtos que ela produz até hoje.


Por que ocorre a turbulência nos voos?

Muitas pessoas tem medo de voar por uma série de razões. Uma delas é o fato de desconhecer todo o processo que envolve um voo. Assim, vamos dar início a uma série de textos falando sobre o assunto. E assim, ajudar a entender porque voar é muito seguro. Então vamos lá. Para quem quer saber por quê o avião as vezes sacode em voo, aí vai a resposta: por causa da turbulência que é um fenômeno atmosférico.
A turbulência faz o avião balançar e variar levemente a altitude, sendo mais comum quando se ultrapassa uma camada de nuvens. Mas pode ocorrer também com céu limpo. Pode ser causada por correntes térmicas ou convectivas, diferenças no relevo, variação na velocidade do vento ao longo de uma zona frontal ou alterações na temperatura e pressão atmosférica. Os aviões maiores podem evitar zonas de turbulência com o uso de radares meteorológicos, que indicam as nuvens mais densas. As aeronaves são concebidas para suportar raios e relâmpagos.
Quando um raio atinge um avião, passa por sua fuselagem sem comprometer a segurança de voo.


Conheça mais sobre o econômico Rotax 912 iS

O novo motor da Rotax para aeronaves, esse injetado, está no topo das opções para a motorização aeronáutica na aviação esportiva. Seus recursos e desenvolvimento tecnológico agradam o bolso e principalmente a engenharia.
Em comparação com o motor Rotax 912 ULS esse novo motor com injeção eletrônica apresentou resultados surpreendentes.Em voo os testes mostram uma maior economia de combustível de até 36% e ainda uma a melhoria de 21% em relação o original lançado anteriormente.
Esse modelo do Rotax 912 melhora sua eficiência de consumo automaticamente melhora a sua eficiência de consumo de combustível, uma vez que o acelerador é puxado para trás após a partida da aeronave e vai se ajustando por fases do voo.
Isso resulta em menores custos operacionais. Além disso, a emissão de gases melhorou devido à redução de emissão de CO2 entre -38% a -70%. Isso representa um benefício diferencial em comparação com outros motores de aeronaves.


A realização de um sonho: o começo!

E foi assim que tudo começou na vida de Caio Jordão. Essa matéria feita há mais de 14 anos mostra um pouco da história desse empreendedor que aos 9 anos de idade começou lavando barriga de avião e se tornou referência na aviação brasileira.


Caio Jordão

Caio Jordão retoma base em Campinas e prepara centro de manutenção

O empresário Caio Jordão, fundador da Inpaer e “pai” da família Conquest e Excel, retomou as operações da sua base em Campinas, no Aeroporto Campos dos Amarais, e prepara um centro técnico de manutenção de aviões, o CTM Aero. O edifício passa por reformas e adaptações para abrigar o novo empreendimento de Jordão. Pelo cronograma, embora já esteja operando desde o final do ano passado, oficialmente a reinauguração do novo espaço será daqui a trinta dias.

A proposta de Caio Jordão é estabelecer em Campinas um centro de manutenção de excelência que prestará serviços não só para a família de suas aeronaves Conqueste e Excel, mas para todas as outras marcas. “Nós queremos ter em Campinas um lugar diferenciado para a manutenção de aviões e estamos começando com os nossos, mas podemos estender esse trabalho para qualquer equipamento dessa categoria” lembra.

Para o empresário, Campinas é uma cidade estratégica no seu plano de negócios pelo seu posicionamento geográfico e pela condição econômica na Região Metropolitana de Campinas, a RMC.

Além de manutenção, a comercialização de aeronaves usadas também estarão no portfólio das atividades de empreendimento que Jordão está coordenado, juntamente com seu filho Diego Jordão.